Fogos, rampas e peitos

Após a partida Itália x Costa Rica no dia 20 de junho na Arena Pernambuco no Recife, tivemos um intervalo de nove dias para o próximo jogo que assistiríamos na Arena Castelão (Holanda x México) em Fortaleza, assim aproveitamos esses dias para conhecer novos lugares e festividades.

Já que estávamos no Nordeste e em junho, resolvermos ir nas duas principais festas Junina do país; Dia 21 em Caruaru e 22 em Campina Grande.

A Festa de Caruaru tem a vantagem de ser o único festejo acontecendo na cidade, o que faz com que praticamente toda a cidade esteja no evento, ao contrário de Campina, onde apesar de ser maior, não é a única da cidade, outros festejos juninos ocorrem simultaneamente por lá.

Mas ambas as festas foram experiências magníficas, pois além de grandes, são lindas, animadas e bem organizadas. O único lado ruim, é que após conhecê-las, as quermesses de São Paulo nunca mais terão graça.

Após conhecermos essas festas, fomos passar três dias na capital da Paraíba, João Pessoa. Além de bem estruturada e de possuir praias belíssimas como Tambaú e Tambaba (não ficamos pelados, antes que nos perguntem). A cidade me surpreendeu positivamente pelo seu nível de acessibilidade. Praticamente todos os locais, sejam públicos ou privados, possuem acesso e adaptações para cadeirantes. Melhor adaptada que a maioria das cidades sedes da copa!

Após a estadia na capital paraibana, rumamos para Fortaleza para assistir o primeiro dos dois jogos que compramos no Castelão. Poderia destacar a Praia do Futuro ou o show do Léo Santana (o menino do Rebolation) que vimos na Fan Fest, mas vamos falar de assunto melhor, como sempre: Mulher!

E sobre as mulheres do Ceará, eu afirmo: Se em outro post, afirmei que não existe baiana sem bunda, neste, afirmo que não existe cearense sem seios bonitos! Admiro demais mulheres de peito!

 

Paulo Fabião

Paulo Fabião, 27 anos, é jornalista, sambista, cadeirante, poeta, contista, cronista, compositor, lutador, farofeiro, cafajeste acessível, e traz o amor verdadeiro em três dias! Limão, gelo, fogo e açúcar na medida certa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *